𝐈𝐍 𝐌𝐄𝐌𝐎𝐑𝐈𝐀𝐌

Este site é uma homenagem e expressão do nosso reconhecimento às pessoas queridas que se foram de forma tão cruel, que estão em nossas memórias permanentemente a guardar todo nosso amor na saudade daqueles que amamos e de quem nunca esqueceremos!

LGBT+ MORTOS NO BRASIL – 2011/2018
Os crimes de ódio, também chamados de crimes motivados pelo preconceito, são crimes cometidos quando o criminoso seleciona intencionalmente a sua vítima em função de esta pertencer a um certo grupo.

Homofobia no Brasil ainda é um problema presente e constante, havendo estatísticas compiladas pelo site Homofobia Mata que sugerem que o Brasil é o país com a maior quantidade de registros de crimes homofóbicos do mundo, seguido pelo México e pelos Estados Unidos.

De acordo com o site, cerca de um homossexual é morto a cada 20 horas no país por conta da homofobia (assassinatos e suicídios) e cerca de 70% dos casos dos assassinatos de pessoas LGBT ficam impunes. O país teve mais de 2.700 assassinatos homofóbicos ou transfóbicos entre 2011 a 2018 e desde 2008 concentra quase metade do total de homicídios de transexuais do mundo, de acordo com o relatório da organização europeia Transgender Europe.

Eduardo Michels
Autor da Pesquisa "MORTES DE LGBT+ NO BRASIL" (2011-2018)
Hemeroteca Digital - HomoTransfobia Mata

 

009 / QUELLY DA SILVA / COMERCIARIA – 35 ANOS / 9ºDP

bargasfilho     msn

008 / VINYCIUS SILVA

PGM / Rede

007 / JULIA MARQUES / ESTUDANTE – 25 ANOS

PGM / Rede

006 / SIMÃO ALMEIDA CUNHA / PROFESSOR – 30 ANOS

PGM  /  Rede  /  g1.globo  /  portalcorreio    /   jornaldaparaiba

005 / VICTÓRIA JUGNET / 18 ANOS

PGM / Rede

004 / ADSON MENDES CRUZ / 24 ANOS / 23ª DP

 

correio24horas    varelanoticias    lider87fm

001 / JECKSON SILVER

PGM / Rede

003 / ANDERSON SOBRAL / 32 ANOS

PGM  /   Rede   /   tvjornal.ne10   /   jconline.ne10

002 / WAGNER MORAES

PGM / Rede